sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Saiu na Tribuna do Norte

O deputado eleito George Soares (PR) foi denunciado pelo Ministério Público Eleitoral por captação ilícita de recursos. Segundo a acusação, o parlamentar do PR recebeu doação do empresário Amaro Saturnino, mas não declarou na prestação de contas.

Em 2 de setembro, a Procuradoria Regional Eleitoral recebeu a informação de que no dia 5 de setembro de 2010, os candidatos Rogério Marinho e George Soares fariam uma carreata no município de Maxaranguape. Na ocasião, todos os veículos seriam abastecidos mediante ordens de abastecimento em nome da Prefeitura Municipal de Maxaranguape. As despesas seriam pagas por Amaro Saturnino.

“Toda despesa destinada à realização de comícios ou eventos para promoção de candidaturas é considerada gasto eleitoral, que, nessa qualidade, encontra-se sujeita a registro na prestação de contas e à obrigatoriedade de informação à Justiça Eleitoral”, destaca o procurador eleitoral auxiliar Ronaldo Pinheiro de Queiroz.

Nota de Rodrigo Medeiros:

Estou na torcida para que George consiga superar essas adversidades. O Vale precisa dessa cadeira na Assembleia.

Comente!

Mais lidos da semana

Siga este blog

Arquivo

Tecnologia do Blogger.

- Copyright © 2013 Rodrigo Medeiros -Metrominimalist- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan | Distributed by Rocking Templates -