terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

A situação de Micarla de Sousa é realmente muito delicada. A prefeita de Natal, que se licenciou no início de janeiro para resolver em São Paulo um problema cardíaco, retornou hoje de manhã à prefeitura. Natural, caso não tivesse sido anunciado anteriormente que, por ordens médicas, a prefeita só retornaria em 10 ou 15 dias.

Segundo os comentaristas políticos do Rio Grande do Norte, o retorno de Micarla foi decidido às pressas, motivado pelas comparações que a população começou a fazer entre a administração dela e a do prefeito em exercício, Paulinho Freire. Não se sabe se o movimento foi espontâneo ou estimulado, mas resultou em uma corrente denominada “Fica Paulinho”, que se alastrou pela internet muito rapidamente.

“Até ontem pela manhã a prefeita estava disposta a permanecer em repouso da cirurgia cardíaca a que foi submetida. No entanto, na noite dessa segunda-feira ela foi aconselhada por alguns assessores a retornar”, destacou a repórter da Tribuna do Norte, Anna Ruth Dantas.

Seriam mesmo apenas 10 dias a mais assim tão danosos? Arriscar a saúde não é um risco muito alto a se pagar? As repostas para essas perguntas dão a exata dimensão do desgaste da gestão de Micarla de Sousa.

Comente!

Mais lidos da semana

Siga este blog

Arquivo

Tecnologia do Blogger.

- Copyright © 2013 Rodrigo Medeiros -Metrominimalist- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan | Distributed by Rocking Templates -