sexta-feira, 29 de abril de 2011

Cidade vive Estado de Emergência. Cerca de 75 famílias foram desabrigadas e treze comunidades rurais estão isoladas

A prefeitura do município de Ipanguaçu iniciou na manhã de hoje a limpeza do leito do Rio Pataxó, no trecho localizado na propriedade da empresa Finobrasa Agroindustrial SA. Duas máquinas (PC 320) estão no local removendo a vegetação. Desde 2009 que o prefeito Leonardo Oliveira tentava obter junto ao governo do Estado a permissão necessária para realizar esta operação, já que a área é de preservação ambiental. No entanto, apenas na tarde de ontem (28), o Idema enviou ofício com a autorização, em caráter emergencial.

O trabalho é de difícil execução, já que a área está alagada e a vegetação é bastante densa. Uma das máquinas, inclusive, atolou no final da tarde, sendo o trabalho realizado desde então com apenas uma. Além disso, o aluguel das máquinas, por hora, tem valor elevado. “Já se nota uma sensível melhora no escoamento da água nos pontos onde a vegetação está sendo removida. O trabalho é difícil, lento, mas será feito, dia e noite. Independentemente do tempo que demore para ser concluído, nós vamos até o fim”, afirmou o prefeito, em entrevista concedida no local.

O transbordamento do Açude Pataxó, que se iniciou no último dia 12 de abril, tem elevado o nível do Rio Pataxó, provocando a inundação de quase 75 casas em três bairros da cidade (Maria Romana, Ubarana e Manoel Bonifácio) e isolando treze comunidades (Santa Quitéria, Barra, São Miguel, Luzeiro, Cuó, Lagoa de Pedra, Itú, Picada, Porto, Salinas, Deus nos Guie, Sacramentinho e Pau de Jucá). São muitos os danos humanos, materiais e ambientais, além dos prejuízos à economia local, ainda não contabilizados.

O constante agravamento da situação fez com que o prefeito Leonardo Oliveira acatasse recomendação da Defesa Civil do município e decretasse Estado de Emergência em Ipanguaçu. Dessa forma, a prefeitura pode pedir recursos ao governo federal para ajudar no reparo aos estragos. “Nossos recursos são limitados. Com recursos próprios nós estamos dando assistência a mais de 60 famílias, dando suporte às comunidades isoladas e pagando o aluguel dessas duas máquinas que estão trabalhando no Rio Pataxó. Para podermos fazer mais, é necessário contarmos com a ajuda dos governos Estadual e Federal”, disse Leonardo.

Governadora Rosalba ligou para prestar solidariedade

A governadora do Rio Grande do Norte, Rosalba Ciarlini, telefonou esta tarde para o prefeito de Ipanguaçu para prestar sua solidariedade. Leonardo Oliveira aproveitou a oportunidade para cobrar ajuda. “Solicitei que o governo do Estado nos ajude, a prefeitura tem um orçamento bastante limitado. Solicitei ainda que o governo envie pelo menos mais duas máquinas para ajudar na remoção da vegetação do Rio Pataxó. A governadora ficou de nos dar uma resposta e eu espero muito que seja positiva”, contou o prefeito.

Comente!

Mais lidos da semana

Siga este blog

Arquivo

Tecnologia do Blogger.

- Copyright © 2013 Rodrigo Medeiros -Metrominimalist- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan | Distributed by Rocking Templates -