sexta-feira, 6 de maio de 2011

A escola Adalberto Nobre de Siqueira, da rede municipal de ensino de Ipanguaçu, recebeu nesta sexta-feira (06) o Prêmio Construindo a Nação, na categoria “Destaque Social – Ensino Fundamental”. Concorriam com a escola ipanguaçuense 136 escolas particulares e públicas de 67 municípios do Rio Grande do Norte. A cerimônia foi em Natal, no Sesi Clube, às 09 horas da manhã.

Localizada na comunidade de Tabuleiro Alto, uma das mais distantes da zona urbana de Ipanguaçu, a escola municipal Adalberto Nobre de Siqueira estimula a criatividade de seus alunos através de diversas atividades culturais. “Livros, músicas, filmes, vídeos, fotografias - são inúmeras as maneiras de analisar aspectos de disciplinas como a Língua Portuguesa, bem como quaisquer outra em sala de aula” disse o professor de português e literatura André Magrim que coordenou o projeto vencedor: “Uma visita à elegante essência do medo”.

A elaboração do projeto envolveu o esforço de mais de 50 alunos do 6° e do 9° anos letivos. Para a secretaria de Educação, Jeane Dantas Bezerra, a premiação do projeto é também um prêmio aos esforços envidados pela prefeitura do município na melhoria constante do ensino público que oferece à população. “Ficamos muito orgulhosos. Uma das nossas escolas mais distantes da zona urbana vencer o premio é gratificante, isso mostra o bom trabalho dos nossos educadores que se reflete no grande aprendizado dos nossos alunos” frisou a secretária.

Criado no ano de 2002 pelo Instituto da Cidadania Brasil (ICB), o Prêmio Construindo a Nação teve seu início no estado de São Paulo, sendo posteriormente se expandindo para outros Estados, graças à parceria realizada com a Confederação Nacional das Indústrias e o Serviço Social da Indústria (CNI/SESI), no ano de 2006. Hoje o prêmio conta com o apoio da iniciativa privada e de instituições de ensino Em nove edições a premiação já mobilizou mais de dois milhões de alunos em todo o Brasil, com o objetivo de destacar, valorizar e mostrar como exemplo as ações que as escolas públicas e privadas realizam com a presença ativa de seus alunos no diagnóstico e ações práticas de solução para problemas das comunidades onde estão situadas.

O quesito básico para participação das escolas foi a apresentação de projetos vinculados ao tema cidadania, abordando situações internas ou externas às escolas, e que envolvessem a participação dos estudantes em todas as suas etapas.

A realização desta edição do prêmio é uma ação conjunta do Instituto da Cidadania Brasil, Confederação Nacional da Indústria – Conselho Temático Permanente de Responsabilidade Social, SESI, Fundação Volkswagen e parceiros nacionais – Anhanguera de Educação e Conselho Nacional de Secretários de Educação (CONSED).

Fora o estado do Rio Grande do Norte, os estados que participaram do Prêmio Construindo a Nação são: Acre, Alagoas, Amapá, Amazonas, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, São Paulo, Sergipe, Tocantins e Roraima.

Comente!

Mais lidos da semana

Siga este blog

Arquivo

Tecnologia do Blogger.

- Copyright © 2013 Rodrigo Medeiros -Metrominimalist- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan | Distributed by Rocking Templates -