terça-feira, 21 de junho de 2011

>>> Aquecendo a economia: O prefeito de Ipanguaçu determinou que fosse depositada hoje (21) a primeira parcela do 13° salário aos servidores da Educação do município. A medida, que beneficia a mais de 45% dos servidores da prefeitura, injeta na economia local mais de R$ 125 mil.

>>> Benefícios: A governadora Rosalba Ciarlini abriu crédito suplementar de mais de R$ 24,8 milhões para honrar o pagamento de benefícios previdenciários a diversas categorias.

>>> Eu adoro Mossoró: Fernandinho Beira-Mar gostou mesmo de Mossoró. Tanto, que já pediu formalmente à justiça para ficar na capital do oeste potiguar enquanto não lhe é permitido voltar para o Rio de Janeiro. De acordo com matéria publicada na edição de hoje do jornal O Mossoroense, o advogado do traficante, trancafiado há 12 anos, disse que o motivo desse bem-querer é a hospitalidade do povo local. “Dos presídios por onde passou, o de Mossoró é o que mais lhe tratou como gente. Desde a direção até os funcionários, equipe de saúde e psicólogos têm dispensado um tratamento humanitário", disse o defensor.

>>> Maldosos: Há quem insista, maldosamente, em pensar que Beira-Mar quer ficar em Mossoró em razão da precária infraestrutura do presídio federal, que deveria ser de segurança máxima. Quanta maldade...

>>> Sem fronteiras? A TIM, operadora de telefonia celular, corre risco de se ver, mais uma vez, proibida de vender novas linhas no Rio Grande do Norte. Os Ministérios Públicos Federal e Estadual entraram ontem (20) com uma ação na Justiça pedindo a proibição em decorrência de inconstâncias nos serviços prestados, tais como “graves problemas de congestionamento” e chamadas que não se completam. A TIM, através de sua assessoria, comunicou que “ainda não tomou conhecimento de qualquer manifestação do Ministério Público quanto ao Plano de Desenvolvimento de Rede desenvolvido para o Estado do Rio Grande do Norte”, mas reforçou que está “à inteira disposição das autoridades para prestar os esclarecimentos que se fizerem necessários”.

>>> Escondidinho, não: O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), disse ontem (20) que os senadores vão vetar o artigo da medida provisória aprovada pela Câmara que mantém em segredo orçamentos para as obras da Copa do Mundo de 2014 e da Olimpíada do Rio em 2016. “Nós devemos encontrar uma maneira de retirar esse artigo da MP uma vez que ele dá margem inevitavelmente a que se levantem muitas dúvidas sobre os orçamentos da Copa. Não vejo nenhum motivo para que se possa retirar a Copa das normas gerais que têm para com todas as despesas da Administração Pública”, afirmou.

Comente!

Mais lidos da semana

Siga este blog

Arquivo

Tecnologia do Blogger.

- Copyright © 2013 Rodrigo Medeiros -Metrominimalist- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan | Distributed by Rocking Templates -