quinta-feira, 9 de junho de 2011

Se você ainda não consumiu, com certeza já ouviu falar e conhece quem consome. As “rações humanas”, compostas de cereais e fibras, estão na mira da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A palavra “ração” significa “quantidade de alimento calculada para uma refeição duma pessoa”. No entanto, a Anvisa divulgou um alerta de que a substituição de uma refeição por esse produto traz riscos à saúde, já que ele não tem todos os nutrientes necessários para a alimentação saudável.

Por isso, a agência ainda determinou que os produtos não podem usar o nome de "ração humana", nem colocar no rótulo propriedades medicinais, como “redução de colesterol”, “emagrecimento” ou quaisquer outros efeitos medicamentosos. Por outro lado, estão liberadas frases que informem que o composto faz bem para a saúde (por exemplo, que melhora o funcionamento do intestino). Para isso, os fabricantes terão que pedir o registro do alimento na Anvisa e apresentar estudos que demonstrem essas características.

As empresas que não cumprirem com essas determinações estão sujeitas à multa, que pode chegar até a R$ 1,5 milhão.

Comente!

Mais lidos da semana

Siga este blog

Arquivo

Tecnologia do Blogger.

- Copyright © 2013 Rodrigo Medeiros -Metrominimalist- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan | Distributed by Rocking Templates -