terça-feira, 6 de setembro de 2011

Enfrentar Diego Maradona, o maior nome da história do futebol argentino, tem sempre o gosto de clássico Brasil e Argentina, independente das circunstâncias. É com esse pensamento que o atacante potiguar Paulo Júnior, do Dibba Fujairah, vai para o jogo contra o Al Wasl, time comandado pelo técnico Diego Maradona. A partida será nesta quinta-feira (8) no estádio Zabeel Stadium, na cidade de Dubai.

Além do atacante do Rio Grande do Norte, o Dibba Fujairah conta com outros três brasileiros: o técnico Luiz Carlos Cruz, o zagueiro Júnior e o preparador físico Maurício.

“Com certeza, será o espírito de brasileiro, contra o de argentino. Até mesmo porque vamos enfrentar o maior ídolo da história do futebol argentino e não um personagem qualquer. Qualquer brasileiro se motiva em um jogo como esses, e comigo não é diferente”, declarou Paulo Júnior.

Segundo Paulo Júnior, o Dibba Fujairah valoriza demasiadamente o jogador brasileiro. Tanto é que os clubes dos Emirados Árabes podem contratar apenas três atletas estrangeiros, segundo as regras da liga local, e todos os reforços importados do Dibba vieram do Brasil. Um deles, o atacante João Batista (Mossoró), já deixou o clube, mas a procura por um novo reforço novamente se restringe aos brasileiros.

“Aqui o brasileiro é muito valorizado, tido como aquele jogador que pode resolver. Nada melhor do que comprovar o potencial do brasileiro do que enfrentar o Diego Maradona”, brinca o atleta.

Comente!

Mais lidos da semana

Siga este blog

Arquivo

Tecnologia do Blogger.

- Copyright © 2013 Rodrigo Medeiros -Metrominimalist- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan | Distributed by Rocking Templates -