terça-feira, 27 de setembro de 2011

Uma parceria que já se inicia com sucesso: A família Tchê, responsável no passado por preparar os karts de Ayrton Senna e Rubens Barrichello, iniciou trabalhos com o piloto potiguar Victor Uchôa, atual campeão brasileiro. E o resultado foi surpreendente: Victor, que esperava ficar entre os 34 primeiros do WSK Master Series, disputado na Itália, conquistou a 18º colocação na 5ª etapa do circuito mundial.

Victor: Feliz com o presente, preocupado com o futuro
Aos 10 anos, Victor é uma grande promessa do automobilismo brasileiro. Além do Campeonato Brasileiro de 2010, o jovem já conquistou o GP Brasil, o vice-campeonato Sul-Americano e o vice-campeonato do Mundial Easykart Birel final “d”. Porém, o grande resultado no WSK Master Series teve maior importância para a sua promissora carreira.

“Foi melhor do que o título do Campeonato Brasileiro. Aqui estão os melhores kartistas do mundo e eu provei que posso ser um deles”, declarou Victor Uchôa, que é patrocinado pelo Governo do Rio Grande do Norte e pelas empresas Unimed Natal, Faculdade dos Guararapes, Hotel Sombra e Água Fresca, Ster Bom, Livraria Câmara Cascudo, Escola Lápis de Cor e Banco do Nordeste.

A prova final contou com 60 seletos kartistas, dos 86 inscritos no circuito. Os pilotos são oriundos de diversas partes do planeta e a idade deles variava entre 10 e 13 anos. A diferença de idade e de experiência entre Victor e maioria dos pilotos é grande, por isso o resultado conquistado pelo kartista potiguar surpreendeu até mesmo sua equipe.

“Victor se comportou com uma naturalidade tão grande, que parecia ser um piloto habituado com decisões como essas. Ultrapassou, de forma surpreendente, pilotos bem mais experientes”, comentou o coach Dudu Tchê.

Superação e lamento

O clima de superação foi ainda maior pelas dificuldades que Victor conseguiu vencer nesta prova. Na segunda bateria classificatória, o kartista sofreu um acidente. O fato fez com que sua equipe anunciasse a desistência da 5ª etapa do WSK Master Series. No entanto, o kartista decidiu continuar na prova. “Eu não podia largar um sonho assim. Vi que ainda tinha condições e decidi continuar”, salientou Victor.

A decisão foi acertada. O desempenho do kartista foi noticiado com destaque na imprensa europeia e despertou o interesse de diversas equipes. Victor, inclusive, teria recebido proposta de uma grande equipe italiana, cujo nome só será anunciado caso o contrato seja assinado.

Apesar de todas as expectativas com o bom resultado de Victor Uchôa, o clima ainda é de preocupação para o kartista, que não sabe por quanto tempo continuará utilizando o kartódromo de Natal para realizar seus treinamentos. “Tudo indica que Natal vai passar um tempo sem kartódromo, por causa das obras da Copa do Mundo, o que vai dificultar muito os meus treinamentos”, lamentou.

Comente!

Mais lidos da semana

Siga este blog

Arquivo

Tecnologia do Blogger.

- Copyright © 2013 Rodrigo Medeiros -Metrominimalist- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan | Distributed by Rocking Templates -