terça-feira, 24 de janeiro de 2012

- Diário de Natal: Políticos são condenados, mas podem disputar eleição
(O juiz da 4ª Vara Criminal de Natal, Raimundo Carlyle de Oliveira, condenou 16 dos 21 réus da Operação Impacto)

- Tribuna do Norte: TJRN admite desvio de valores e pede ao MP que abra inquérito
(Em nota oficial emitida no fim da tarde de ontem a presidência do TJRN sinalizou a dimensão da gravidade e a abrangência das fraudes cometidas no setor de pagamentos dos precatórios)

- Novo Jornal: Sai listão da Impacto: 16 são condenados
(Punição previstas para os culpados ainda depende de recursos ao TJ e ao STJ. Sentençã do Juiz Raimundo Carlyle prevê perda de mandato, multa e prisão. Dos condenados, cinco têm mandato na Câmara e outros sete são ex-vereadores)

- De Fato: Vereadores condenados à prisão e perda de mandato (Mossoró)
(São as penas aplicadas pelo juiz da 4a. Vara Criminal de Natal, que condenou 16 acusados que figuravam na "Operação Impacto", por corrupção ativa e passiva durante a votação do Plano Diretor de Natal (PDN), em 2007. Todos podem recorrer em liberdade)

- O Globo: Órgão contra seca privilegia estado do seu diretor-geral
(Dnocs dá para Rio Grande do Norte 37 de 47 convênios sobre defesa civil)

- Folha de São Paulo: União Europeia suspende compra de petróleo do Irã
(Punição tem objetivo de pressionar o país a interromper programa nuclear)

- O Estado de São Paulo: Insatisfeita com gestão, Dilma troca comando da Petrobras
(Presidente muda o sétimo posto do primeiro escalão indicado por Lula para colocar técnica de sua confiança)

- Correio Braziliense: Policia admite indiciar hospitais no caso Duvanier
(A diretoria da Polícia Civil do DF acredita ter elementos suficientes para indiciar os danos dos hospitais Santa Luzia e Santa Lúcia por homicídio culposo (sem intenção de matar), em razão da morte do secretário de Recursos Humanos do governo federal Duvanier Pereira)

- Valor Econômico: Longe das metas, fundos de pensão assumem mais risco
(Sem cumprir as metas atuariais no ano passado, muitos fundos de pensão iniciaram 2012 propensos a trocar parte da carteira de títulos públicos por ativos de maior risco - e maior rentabilidade)

- Estado de Minas: Porque o prefeito de BH decidiu dizer não ao aumento de 61,8% para os vereadores
(A pressão popular, com manifestações nas ruas e intenso repúdio nas redes sociais, falou mais alto)

- Jornal do Commercio: Chuva, protesto e tumulto (Pernambuco)
(O Grande Recife viveu um dia de confusão. Precipitação acima da média alagou ruas e deixou janeiro com cara de inverno)

- Zero Hora: Dilma usa internet para combater escândalos (Rio Grande do Sul)
(Na primeira reunião do ministério em 2012, presidente deu prazo de seis meses para que seja apresentado um sistema de monitoramento de programas, incluindo convênios e contratos) 

Comente!

Mais lidos da semana

Siga este blog

Arquivo

Tecnologia do Blogger.

- Copyright © 2013 Rodrigo Medeiros -Metrominimalist- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan | Distributed by Rocking Templates -