segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

As obras dos estádios que estão sendo construídos ou reformados para sediarem jogos da Copa do Mundo Fifa 2014 podem ser paralisadas no próximo mês. Pelo menos esta é a intenção dos movimentos representativos Força Sindical, Central Única dos Trabalhadores (CUT), Confederação Sindical Internacional (CSI) e Federação Nacional dos Trabalhadores na Indústria da Construção Pesada.

De acordo com matéria publicada no site Globo Esporte, a ideia é que os aproximadamente 25 mil operários espalhados pelas cidades-sede (Natal, Fortaleza, Recife, Salvador, Brasília, Manaus, Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre e Cuiabá) cruzem os braços, caso não seja aprovada uma proposta única de piso salarial e benefícios para todos os trabalhadores.

A decisão quanto à paralisação ou não deve sair até o próximo dia 15 de fevereiro, quando as forças sindicais pretendem se reunir em Brasília para conversar com o secretário-geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho, e com a Confederação Nacional das Indústrias (CNI).

Caso os movimentos decidam pela paralisação em março, a greve poderá coincidir com a vista do presidente da Fifa, Joseph Blatter, e do secretário-geral da entidade, Jérôme Valckle, ao Brasil. 

Comente!

Mais lidos da semana

Siga este blog

Arquivo

Tecnologia do Blogger.

- Copyright © 2013 Rodrigo Medeiros -Metrominimalist- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan | Distributed by Rocking Templates -