terça-feira, 15 de maio de 2012


- Diário de Natal: Caos, revolta e 600 mil sem transporte
(Natal deverá viver mais um dia de cão hoje, com a continuidade da greve dos rodoviários, que exigem 14,3% de aumento salarial. Os empresários oferecem 4,88%, baseado na inflação do período)

- Tribuna do Norte: Maioria dos prefeitos atrasa processo sobre emergência
(Vinte dias após a orientação para que os prefeitos providenciassem toda a documentação necessária ao processo de recebimento de recursos para atender à população, apenas 28 dos 139 municípios potiguares atingidos pela seca atenderam essa recomendação)

- Novo Jornal: CNJ julga Osvaldo e Rafael semana que vem
(Em resposta à reportagem do Fantástico sobre os desvios de R$ 20 milhões no TJ-RN, conselho anuncia julgamento de Osvaldo Cruz e Rafael Godeiro para o dia 21 próximo)

- De Fato: Assaltantes de Baraúna triam atuado no Ceará (Mossoró)
(Policiais do RN e Ceará se integram para descobrir os autores dos assaltos à Baraúna e Pentecostes. Suspeita-se que a ação pode ter partido do mesmo grupo)

- O Globo: Ministro do STF suspende depoimento de Cachoeira
(O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal, adiou o depoimento do bicheiro Carlinhos Cachoeira à CPI que investiga suposto esquema de corrupção comandado por ele, marcado inicialmente para hoje. Os advogados de Cachoeira pediram que ele só seja ouvido depois de ter acesso à investigação. Na semana passada, o presidente da CPI, Vital do Rêgo (PMDB-PB), negara pedido semelhante feito pelo bicheiro. Na guerra de versões com a Procuradoria, a PF negou ter pedido à subprocuradora Cláudia Sampaio que adiasse o arquivamento da Operação Vegas, em 2009)

- Folha de São Paulo: Crise europeia derruba mercados
(Dólar dispara, chega a alcançar R$ 2 e fecha a R$ 1,99; Bovespa recua 3,2% e quase anula os ganhos deste ano. O prolongado impasse político na Grécia, novas preocupações com o futuro do euro e a derrota eleitoral do partido da chanceler da Alemanha, Angela Merkel, derrubaram os mercados. Com as incertezas, os investidores do mundo todo fugiram das aplicações de maior risco para buscar opções mais seguras, como os títulos públicos dos EUA)

- O Estado de São Paulo: Risco grego para o euro afeta bolsas e dólar encosta em R$ 2
(Preocupados com a possibilidade da saída de Atenas da zona do euro, os investidores levaram as bolsas de valores ao vermelho. No Brasil, o dólar se aproximou de R$ 2 e o Ibovespa fechou no menor nível do ano. Pesaram para os investidores as recentes declarações de autoridades da UE segundo as quais a Grécia terá de sair do euro se não cumprir os acordos de austeridade. Em outro sintoma da crise, a agência de classificação de risco Moody’s anunciou o rebaixamento no crédito de 26 bancos italianos. Em meio ao impasse para a formação de novo governo, o presidente da Grécia, Carolo Papoulias, propôs ontem a criação de um gabinete de “notáveis”, isto é, pessoas de fora dos círculos políticos. A proposta deve ser discutida até quinta-feira)

- Correio Braziliense: Reajuste de servidores vai variar de 2% a 31%
(Medida beneficia 937,6 mil funcionários do Executivo. Pagamento a professores de federais, que ameaçam greve, será retroativo a março. Além do aumento, que será estendido a aposentados e pensionistas, a medida provisória editada pelo governo federal cria gratificações. Funcionários do Plano Geral de Cargos (PGPE) e da Carreira da Previdência, da Saúde e do Trabalho (CPST) tiveram ganhos para que alcancem o teto de R$ 7 mil. O impacto das despesas nos cofres públicos será de R$ 1,5 bilhão anual. O reajuste, negociado com representantes dos servidores em 2011, é o único previsto no Orçamento deste ano)

- Valor Econômico: Novos títulos dão fôlego ao crédito habitacional
(Papéis de renda fixa que oferecem isenção de Imposto de Renda, como as Letras de Crédito Imobiliário (LCI) e Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRI), tornam-se cada vez mais atraentes para os bancos lastrearem seus empréstimos habitacionais. Como a concessão de financiamento tem crescido muito acima da captação das cadernetas de poupança, fonte do crédito para o setor, encontrar alternativas mais baratas de funding passou a ser uma tarefa inadiável)

- Estado de Minas: Ruim com ele...
(Paralisação da única e obsoleta linha do metrô tumultua o já caótico trânsito de BH causa grandes congestionamentos, com aumento de ônibus e carros nas ruas para suprir o transporte de 215 mil passageiros)

- Jornal do Commercio: Greve do metrô dividida (Pernambuco)
(Assembleia decide pela paralisação total, às 5h de hoje, mas maquinistas prometem trabalhar nos horários de pico)

- Zero Hora: Dólar colado em R$ 2 anima exportador e preocupa consumidor (Rio Grande do Sul)
(Empresas brasileiras ganham competitividade no Exterior, mas produtos como eletroeletrônicos devem subir, e viajar para outros países fica mais caro)

Comente!

Mais lidos da semana

Siga este blog

Arquivo

Tecnologia do Blogger.

- Copyright © 2013 Rodrigo Medeiros -Metrominimalist- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan | Distributed by Rocking Templates -