sexta-feira, 18 de maio de 2012


Nesta sexta-feira (18), os governadores dos estados nordestinos se reuniram em Fortaleza/CE com o presidente do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Luís Alberto Moreno, e com o presidente do Banco do Nordeste do Brasil (BNB), Jurandir Santiago.

No encontro foram discutidos projetos de infraestrutura, além de ações para ajudar no combate à seca. Entre outros, foi apresentado o Programa de Desenvolvimento Produtivo (Prodepro), linha de crédito voltada a atração de investimentos e ampliação das exportações, importante para o financiamento das obras de infraestruturas produtivas, como implantação das Zonas de Processamento de Exportação (ZPEs) e as empresas que nelas se instalarem, além de financiar a preparação da modelagem de projetos para concessão, Parcerias Público-Privadas (PPPs) ou mesmo os projetos básicos e executivos das obras públicas.

Para o Prodepro estão previstos recursos da ordem de US$ 1,2 bilhão, sendo US$ 600 milhões do Banco do Nordeste e US$ 600 milhões do BID. A ideia dos governadores é que o BNDES faça um aporte de mais US$ 1,2 bilhão para os próximos três anos.

Segundo a governadora Rosalba Ciarlini, que avaliou o encontro como produtivo e muito importante, a proposta do BID, do Banco do Nordeste e do BNDES permitirá que o Rio Grande do Norte possa fazer investimentos voltados para a cadeia produtiva, gerando emprego e renda. “Esses projetos levarão o desenvolvimento humano, melhoria da qualidade de vida ao povo potiguar para minimizar a diferença entre o Sul e o Sudeste para o Nordeste", ressaltou a governadora.

Comente!

Mais lidos da semana

Siga este blog

Arquivo

Tecnologia do Blogger.

- Copyright © 2013 Rodrigo Medeiros -Metrominimalist- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan | Distributed by Rocking Templates -