sexta-feira, 6 de julho de 2012

Uma antiga máquina de escrever Remington, da década de 70, livros, atas, fotografias, um exemplar da constituição original de 1891. O acervo do Memorial do Legislativo Potiguar (MLP), que está sendo enriquecido dia-a-dia com a doação dos ex-parlamentares, dos seus familiares e da própria comunidade, aos poucos vai contando a história da Assembleia Legislativa (ALRN) e retratando também aspectos da vida pessoal dos ex-deputados. (Veja fotos ao final da matéria)

Um dos exemplos recentes são as doações feitas pela família da terceira mulher a conseguir um mandato no parlamento, a ex-deputada Mônica Dantas, esposa do também ex-deputado Francisco Seráfico Dantas. A filha do casal, Zita Maria Dantas, disponibilizou para o acervo do Memorial objetos de uso doméstico, como taças de cristal, bandeja de prata, fruteira e diversos outros utilizados em sua casa, que agora estão sendo agregados aos objetos que há muitos anos vem sendo catalogados e preservados, antes mesmo do Memorial ganhar sede própria, num anexo à rua São Tomé, na Cidade Alta. Lauro Bezerra, Manoel de Brito, Francisco Capistrano, entre outros que exerceram a função, também fizeram doações recentes.

O presidente da Casa, deputado Ricardo Motta (PMN), já anunciou que o Memorial será inaugurado em novembro, e até lá, a coordenadora do MLP, jornalista Bernadete Oliveira, está intensificando o contato com as famílias e com os próprios ex-deputados para enriquecer o acervo. “É importante o resgate principalmente dos objetos pertencentes a eles próprios, para não ficarmos somente nas publicações da época feitas por terceiros”, ressalvou.

O parlamento tem mais de 800 ex-deputados, 78 deles vivos e a maioria vivendo no Estado. Para o resgate e preservação de boa parte desse memória, um dos projetos em curso está sendo feito com a TV Assembleia, para resgate da história oral, com entrevistas e programas especiais.

A presença feminina na história do Legislativo potiguar terá destaque na rica expografia através de nichos que serão destinados especialmente a elas. Contando com as atuais parlamentares que detém mandato na Casa, Gesane Marinho, Larissa Rosado, e Márcia Maia, treze deputadas já fazem parte dessa história até o momento.

História

No dia 21 desse mês, a constituição estadual de 1891 completa 121 anos que foi promulgada. Essas e outras datas estão sendo levantadas pela equipe do Memorial, para que os 177 anos dessa história se tornem cada vez mais conhecidos pelos próprios norte-rio-grandenses. O padre Francisco de Brito Guerra, ex-senador e primeiro presidente do parlamento, (2 de fevereiro a 20 de março de 1835), também terá destaque no Memorial. Sua biografia está sendo levantada no acervo público do Senado e os potiguares em breve poderão conhecer a sua trajetória.

Fotos








Fotos: João Gilberto

Comente!

Mais lidos da semana

Siga este blog

Arquivo

Tecnologia do Blogger.

- Copyright © 2013 Rodrigo Medeiros -Metrominimalist- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan | Distributed by Rocking Templates -